Super 8

Movies_Films_S_Super_8_movie_029855_

Eu não sou da geração dos Goonies e quando eu o assisti já era burro velho então não curti as “incríveis aventuras” das crianças. Também não entendi o porquê do Sloth querer chocolate. Para o Super 8 a expectativa das pessoas com quem conversei era de que ele seria o Goonies da geração atual. Pois afinal temos Steven Spielberg de volta com um enredo onde as crianças são protagonistas novamente. Só que muitos nem se ligaram que o Steven Spielberg era o produtor, o diretor (e escritor) mesmo foi J.J. Abrans.

Depois de assistir ao filme eu acho que consegui entender o que foi o fenômeno Goonies para as pessoas da época. Super 8 conseguiu me surpreender por ser um filme com uma história clichê mas muito bem aproveitada. A supresa mesmo foi ter atores mirins muito bons atuando. A história dos garotos quererem gravar um filme, o romance entre o protagonista e a garotinha e uma das melhores cenas de acidente da história do cinema criaram um clima excelente para o filme. O enredo ganhou um embalo totalmente fora do esperado e conseguiu prender a empolgação até o final.

super8

Prefiro não comentar cenas do filme, pois para mim o que marcou foi à sensação de conseguir ver todo o drama das crianças na situação em que foram colocadas. Não será um filme que marcará a geração atual, mas é um ótimo entreterimento e bem divertido. Eu diria que esse filme não foi feito para ser um novo Goonies como me disseram, mas sim para atingir as mesmas pessoas que gostaram de ver Goonies e recuperar um pouco da sensação que foi.

No site oficial você encontra uma história em quadrinhos que complementa a história do filme.

Comentários

  1. Emocionei demais com este filme man, e eu fui da geração Goonies e toda minha nostalgia foi altamente suprida com a história.

    Para mim um dos melhores do ano

  2. Boa crítica para um filme de menos. Vi ontem e não achei nada de novo. De Spielberg o filme só levou a chancela daquela marquinha que ficou tão conhecida com o filme ET, a bicicleta voadora a frente da imagem da lua, no caso a marca da produtora Amblin, fundada por ele em 84. Para mim. o melhor do filme foi ver a atuação da atriz mirim. O resto parecia corte e colagem de outros filmes. Sessão da tarde.

    • As pessoas ou gostaram demais ou não suportaram o filme.
      Acho que só gostou quem foi levado mais pelo lado sentimental da história. Falando apenas tecnicamente, o filme possui muitos defeitos e errinhos tecnicos que eu deixei passar quando assisti a primeira vez. Eu acho que valeu como filme, me emocionou bem e valeu o ingresso. Mas assistir de novo, eu não assistiria.

Deixe seu comentário