Secretariat – Uma História Impossível (Secretariat, 2010)

Secretariat é um daqueles raros filmes de esportes que consegue prender a sua atenção e manter o suspense, apesar de se saber como ele vai acabar no final. É impossível não se envolver por este cavalo e por sua história. Disney foi a escolha certa para a produção deste filme, considerando seus outros sucessos com os filmes do gênero “família”.

A história é baseada em fatos reais. Secretariat foi eleito um dos melhores destaques esportivos do século (o número um na lista se não contar com performances humanas), e vários de seus recordes ainda estão de pé até hoje, quase 40 anos depois. Sua história não pôde deixar de ser contada em filme.

Foto histórica da conquista em 1973

Esta história ainda inclui a determinação de sua proprietária, Penny Chenery (Diane Lane), para salvar o rancho da família logo após a morte de sua mãe e a constatação da doença do seu pai.  Ela arriscou tudo, incluindo seu casamento, para apostar na intuição que tinha sobre seu cavalo. Secretariat lembrou muito outro filme bom de  corrida de cavalo: Seabiscuit. Eu não diria que este é um filme melhor, é diferente, mas posso dizer que Secretariat foi o melhor cavalo de corrida que já existiu e que venceu as corridas mais importantes, incluindo a U.S. Tríplice Coroa em 1973 (uma proeza que não tinha sido realizado em 25 anos).

Randall Wallace, diretor de Coração Valente, Pearl Harbor e Fomos Heróis, fez um bom trabalho com a direção deste filme, apesar dele ser mais conhecido como roteirista. O roteiro de Secretariat foi escrito por Mike Rich. Uma adaptação do livro de William Nack sobre o grande potrinho castanho, apelidado de Big Red.

A trama se desenvolve em torno de Penny Chenery, uma mãe de quatro filhos e uma dona de casa dedicada. Sua vida muda completamente quando recebe a notícia da morte de sua mãe exigindo que vá ao encontro de seu pai no Rancho da família, na Virgínia. O Pai de Penny costumava ser o cérebro de toda a operação no Rancho Meadow, mas com a morte de sua esposa e com sua doença agravada, tudo parece estar indo ladeira abaixo. Penny decide ficar e mudar as coisas ao redor. A fim de salvar o Rancho, ela já começa demitindo seu treinador, que parece estar fazendo alguns negócios desfavoráveis ​​com outros proprietários. Tentava vender seus cavalos, com um valor muito mais baixo do mercado. Mas Penny, com a ajuda da secretária de confiança da família, Miss Ham (interpretada pela humorista Margo Martindale) começa a mudar a gestão do local.

A Penny da vida real e Secretariat

Analisando os documentos do Rancho, Penny percebe que a grande oportunidade de reerguer o negócio da família está em um acordo feito por seu pai que envolvia o cruzamento de uma de suas éguas: Somethingroyal com um cavalo de corrida puro-sangue famoso chamado Bold Ruler. O resultado foi o nascimento do potro castanho apelidado de Big Red, mais conhecido no mundo dos cavalos de corrida, como Secretariat.

Mas para Penny apostar no potro, precisava formar uma equipe vencedora. Por sugestão de um amigo de seu pai, ela logo contrata Lucien Laurin (John Malkovich) como o treinador de Big Red. Em seguida, contrata Ron Turcotte (Otto Thorwarth) como o jockey e Eddie Doce (Nelsan Ellis) como tratador. Juntos, esta equipe coloca como meta um feito que não ocorria há 25 anos: Vencer a U.S. Tríplice Coroa. Claro que o filme não pode ter sucesso se não colocar algum drama na história. Isso inclui a relação de Penny com o marido, Jack Tweedy (Dylan Walsh), que não se conforma com a ausência dela nos deveres de mãe e dona de casa. Penny precisava gerir e salvar o Rancho da família em uma sociedade machista e ainda se preocupar em manter sua família unida, enquanto arrisca tudo em um só cavalo: Secretariat.

Secretariat correndo para a vitória

Secretariat foi sucesso como filme porque a história real é poderosa e inspiradora. O filme lida com a superação de desafios e a perseguição de um sonho. Penny tinha uma boa vida como dona de casa, mas tudo isso a levou para longe de seu objetivo inicial de seguir os passos de seu pai na gestão do Rancho Meadow. Uma vez que a oportunidade se apresentou, ela rapidamente assumiu a difícil tarefa de seguir o seu verdadeiro sonho de vida. Secretariat nos ensina que nunca é tarde demais para seguir um sonho e superar situações difíceis. A Disney sempre foi boa em nos lembrar de quanto é importante lutar por nossos ideais.

A cena final onde ele está correndo em Belmont Stakes é fascinante e provoca arrepios. Secretariat era um cavalo tão incrível que se fez justiça neste filme. É um filme forte e memorável, que nos ensina algumas lições importantes, enquanto ao mesmo tempo entretém sua plateia. As atuações de Diane Lane como Penny e John Malkovich como Lucien dão um toque a mais no filme. Secretariat é um filme para se desfrutar com toda a família. Eu recomendo além de ver o filme, acessar o site oficial desta lenda: www.secretariat.com

Comentários

  1. SIMPLESMENTE DEMAIS….LINDO…MARAVILHOSO…DARIA TUDO PARA TER VISTO AO VIVO ESSE CAVALO.

  2. teve algum filho de secretariat campiao depois dele?
    e secreteriat esta vivo ainda?

  3. Thalía Fonda
    em 14/04/2013 06:54

    Marcelo França, Secretariat nasceu em 1970, e morreu em 1989, com 19 anos, foi sacrificado vitíma de uma inflamação nos cascos, que foi quando descobriram que o coração de Secretariat era 2 vezes maior do que a de um cavalo normal..
    Agora se tem algum filho de Secretariat campeão não sei, mais sei que ele gerou 600 filhos antes de morrer!

  4. lucas antunes da rocha
    em 28/11/2013 12:21

    Esse foi o unico recordista d pista esse foi uma lenda eh eh ainda o cavalo mais veloz do mundo

  5. Marcelle
    em 01/02/2015 01:11

    Simplismente maravilhoso,sou apaixonada por esse animal! Essa historia e incrivel e maravilhosa….

    Lindoooooooo

  6. Eduardo Céa
    em 31/05/2016 11:40

    Vendo esse cavalo me sinto cada vez melhor…..faz bem para saúde ver como foi sua conquista.

Deixe seu comentário