Passe Livre

Se por um lado é um tanto difícil hoje em dia comédias boas, que te façam realmente rir de uma piada ou mesmo lembrar-se depois e ainda ver graça, é chato quando exageram na dose! Passe livre (Título original Hall Pass) é uma comédia que cometeu alguns exageros básicos. Não impossibilita nada para quem não se importa em ter que virar o nariz para um exagero ou outro, mas eu não recomendo assistir na sala de sua casa com filhos ou mesmo sua família.

Passe LivreA atuação do elenco como um todo está boa. Eu costumo dizer que em comédia o principal é conseguir cometer os deslizes de maneira natural. Nesse filme em especial não dá pra cobrar isso dos atores. Tem uma cena em que Rick (Owen Wilson) fica numa situação onde não há como ter normalidade. É uma pena que hoje boas comédias, como seria o caso de Hall Pass, precisem desse tipo de apelo. Várias cenas poderiam ser amenizadas e ainda assim passar a mensagem e arrancar alguns risos. A contagem dos dias, por exemplo, é inteligente e foi bem usada. Eu ri muito da passagem do dia 4 para o dia 5.

Enfim, pena que apelaram mas dá pra assistir e ainda assim rir um pouco. Só realmente evite alguém menos tolerante quando estiver assistindo!

Deixe seu comentário