O Grande Mestre 3 – A Lenda Nasce

Quando assisti o primeiro filme dessa trilogia eu fui surpreendido. O filme é bom. A história de Ip Man foi bem interessante. De um mestre em Artes Marciais até praticamente um miserável, ele consegue superar uma fase da China onde a sociedade está arrasada com a segunda guerra e a influência Japonesa. Nesse enredo do primeiro filme, temos várias vezes a ênfase voltada para o tipo de pessoa que ele era, como defendia seus valores e principalmente: como dava o exemplo. Filme muito bom. Basta abstrair um pouco as lutas de Kung Fu, mas isso é mole para quem curtiu (e muito) Matrix.

Ip ManIsso me motivou a assistir os outros dois. E resolvi escrever o post só no último. Afinal queria ter propriedade para criticar. Bom, perdi tempo. Essencialmente seguiram a velha receita de bolo nos dois filmes seguintes: muita ação com pouco enredo, sem tramas mais rebuscadas ou mesmo algo que o espectador consiga ir até final dos filmes. Uma pena, porque pelo que li a história poderia render bastante.  Ip Man foi mestre em Hong Kong e parece que foi algo muito tortuoso se estabelecer por lá, já que estava falido da fase da segunda guerra. Ele foi o professor de Bruce Lee. Com certeza havia bastante história legal pra contar.

O Grande Mestre 3 – A Lenda Nasce (Ip Man 3 – The Legend Is Born, 2010) infelizmente não vale a pena. Se tiverem alguma curiosidade contenham-se o no primeiro filme (O Grande Mestre, 2008) mesmo e fique feliz em saber que é o único deles que presta.

Comentários

  1. Valeu a dica! Fiquei curioso… com certeza, vou procurar pelo menos o primeiro filme para assistir. Mas é uma pena saber que, mais uma vez, transformaram um filme maneiro em uma trilogia sem sentido. Grande abraço!!!

Deixe seu comentário